[1]
Norman, A.H. 2014. Ética médica e rastreamento: em quais evidências deveríamos nos apoiar?. Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade. 9, 31 (abr. 2014), 105-107. DOI:https://doi.org/10.5712/rbmfc9(31)929.