[1]
M. Pizzanelli, “Sobrerrastreamento ou prevenção em uma escala humana? Excesso de rastreamento”, Rev Bras Med Fam Comunidade, vol. 10, nº 35, p. 1-7, jun. 2015.