[1]
P. Hutt, “A evolução do treinamento em Medicina de Família no Reino Unido”, Rev Bras Med Fam Comunidade, vol. 9, nº 30, p. 77-82, jan. 2014.