O doente em tratamento de tuberculose no município de Itaboraí, Rio de Janeiro - participação da família

Monalisa Garcia de Oliveira, Cleidiani Baptista da Silva, Rute dos Santos Lafaiete, Maria Catarina Salvador da Motta, Tereza Cristina Scatena Villa

Resumo


Este estudo objetivou analisar o enfoque dado pelo profissional de saúde à família do paciente em tratamento de tuberculose no município de Itaboraí, no Rio de Janeiro. A coleta de dados foi feita por meio da entrevista de 100 usuários do Programa de Controle da Tuberculose. Os critérios de inclusão neste estudo foram: doentes de tuberculose em tratamento há mais de um mês e concluintes do tratamento até seis meses antes do início da coleta de dados. Os principais achados foram: a importância da participação da família para obtenção de êxito no tratamento
da tuberculose e o comprometimento do profissional de saúde com as condições de vida, saúde e moradia dos familiares dos usuários.


Palavras-chave


Tuberculose; Programa Saúde da Família; Família

Texto completo:

PDF

Referências


World Health Organization. Global tuberculosis control: surveillance, planning, financing: WHO report 2009. Geneva: WHO; 2009.

World Health Organization. Global tuberculosis control: surveillance, planning, financing: WHO report 2005. Geneva: WHO; 2005.

Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Assessoria de Pneumologia Sanitária. Plano Estratégico para o Controle da Tuberculose no Estado do Rio de Janeiro; 2002.

Brasil. Ministério da Saúde [Internet]. Programa Saúde da Família/ Ministério da Saúde, Secretaria executiva. Brasília: Ministério da Saúde; 2001. Disponível em: http://iah.iec.pa.gov.br/iah/fulltext/pc/monografias/ ms/programas/saudfamilia2000.pdf

Silva AA. Programa de Saúde da Família: trajetória institucional no âmbito do Ministério da Saúde [dissertação de mestrado]. Salvador: Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia; 2003.

Muniz JN, Palha PF, Monroe AA, Gonzales RC, Netto AR, Villa TCS. A incorporação da busca ativa de sintomáticos respiratórios para o controle da tuberculose na prática do agente comunitário de saúde. Ciência Saúde Coletiva. 2005;10(2):315-21.

Fundo Global Tuberculose Brasil. [Internet]. OPAS avalia controle da tuberculose no Brasil. [acesso em 2011 maio 11]. Disponível em: http:// www.fundoglobaltb.org.br/site/noticias/mostraNoticia.php?Section=5&id_ content=1090

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Caderno de Atenção Básica: Manual Técnico para o Controle da Tuberculose. Brasília: Ministério da Saúde; 2002.

Monteiro ARM, Barroso MGT. A família e o doente mental usuário do hospital-dia – estudo de um caso. Rev Latino-am Enferm. 2000;8(6):20-6.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Situação da Tuberculose no Brasil e no Mundo. Brasília: Ministério da Saúde; 2007.

Brasil. Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Diário Oficial da União. 20 set 1990; Seção 1:018055.

Sá LD, Souza KMJ, Nunes MG, Palha PF, Nogueira JA, Villa TCS. Tratamento da tuberculose em unidades de saúde da família: histórias de abandono. Text Cont Enferm. 2007;16(4):712-8.

Reigota RMS, Carandina L. Implantação do Tratamento Supervisionado no município de Bauru/SP -Avaliação da tuberculose pulmonar, 1999/2000. Bol Pneumol Sanit. 2002;10(1):23-30.

Rezende MB, Barbosa HHMM. Perfil epidemiológico da tuberculose pulmonar. Rev Para Méd. 2003;17(2):12-7.

Mascarenhas MDM, Araújo LM, Gomes KRO. Perfil epidemiológico da tuberculose entre casos notificados no Município de Piripiri, Estado do Piauí, Brasil. Epidemiol Serv Saúde. 2005;14(1):7-14.

Oliveira HB, Marin-León L, Gardinali J. Análise do Programa de Controle da Tuberculose em relação ao tratamento, em Campinas - SP. J Pneumol. 2005;31(2):133-8.

Ferreira SMB, Silva AMC, Botelho C. Abandono da tuberculose pulmonar em Cuiabá-MT - Brasil. J Pneumol. 2005;31(5):427-35.

Costa, JSD et al. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 14(2):409-415, abr-jun, 1998.




DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc6(18)117

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2014 Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade



 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia