Participação Comunitária e Gestão Participativa em uma comunidade de Badajoz, Extremadura, Espanha

  • Ana Carolina Diniz Oliveira
  • Ignacio Maynar Mariño
  • Maria Dolores Fernandez
  • Carmen Mata Benito
  • Jesús Cobaleda Gallardo
Palavras-chave: Participação Comunitária, Gestão Participativa, Medicina de Família e Comunidade, Margem Direita do Rio Guadiana, Marco Marchioni, Processo Comunitário

Resumo

A proposta desenvolvida a partir dos profissionais técnicos do Centro de Saúde El Progresso, consiste em um início de um processo de intervenção e participação da comunidade para enfrentar os problemas e contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população da área de abrangência, contando com serviços, recursos existentes e o apoio das instituições. Com estas reflexões se promoveu o Processo Comunitário da Margem Direita do Rio Guadiana descreveremos ao longo deste relato. A administração sanitária assume a formação da assistente social da equipe em torno das experiências comunitárias assessoradas pelo consultor externo contratado pelo governo, Dr Marco Marchioni, que contribuiu com a formação necessária para o desenvolvimento do processo comunitário. Para que esta coordenação evolua para uma intervenção conjunta, é necessária a realização de um Diagnóstico Comunitário que possibilite uma visão compartida, global e integral da comunidade. Esta primeira etapa do Processo Comunitário desenvolveu o Diagnóstico com todas as pessoas envolvidas e divulgou os resultados a toda a comunidade. Seguindo o esquema da análise DAFO, se pode dizer que a Margem Direita do Guadiana tem umas debilidades e umas fortalezas (análise interna) que se aproximam uma série de ameaças e de oportunidades (análise externa). Para conseguir participação comunitária e gestão participativa efetiva há que ter persistência e aproveitar as oportunidades. O tecido associativo da Margem direita do Rio Guadiana e o Diagnóstico da área servem para unir as pessoas em um objetivo comum e diminuir a dicotomização existente, fazendo com que as mudanças sejam positivas e que as ameaças se transformem em oportunidades.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Ana Carolina Diniz Oliveira

Médica de Família e Comunidade da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte- MG Brasil.

Ignacio Maynar Mariño

Médico e Doutor em Medicina de Família e comunidade do Centro de Saúde El Progresso- Equipe Comunitária da Margem Direita do Rio Guadiana (PCMDG)- Badajoz- Extremadura-Espanha.

Maria Dolores Fernandez

Enfermeira de Família e Comunidade do Centro de Saúde El Progresso- Equipe Comunitária da Margem Direita do Rio Guadiana (PCMDG)-Badajoz- Extremadura-Espanha.

Carmen Mata Benito

Equipe Comunitária da Margem Direita do Rio Guadiana (PCMDG)- Badajoz- Extremadura- Espanha.

Jesús Cobaleda Gallardo

Equipe Comunitária da Margem Direita do Rio Guadiana (PCMDG)- Badajoz- Extremadura- Espanha.

Publicado
2008-11-17
Como Citar
Oliveira, A. C. D., Mariño, I. M., Fernandez, M. D., Benito, C. M., & Gallardo, J. C. (2008). Participação Comunitária e Gestão Participativa em uma comunidade de Badajoz, Extremadura, Espanha. Revista Brasileira De Medicina De Família E Comunidade, 4(13), 61-72. https://doi.org/10.5712/rbmfc4(13)220
Seção
Relatos de Experiência