A preceptoria em medicina de família e comunidade e as estratégias de organização da atenção primária frente à COVID-19

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5712/rbmfc16(43)2832

Palavras-chave:

Covid-19, Preceptoria, Medicina de Família e Comunidade, Internato e Residência.

Resumo

Objetivos: Analisar a impressão de preceptores dos Programa de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade (PRMFC) sobre as modificações ao modelo do ensino em serviço provocadas pelo contexto da pandemia de COVID-19. Métodos: Estudo qualitativo através da entrevista de preceptores da residência, visando categorizar o discurso dos sujeitos a partir do lugar de fala, usando o método hermenêutico-dialético. O mote foi ampliar a percepção experimental através dos discursos e entender as realidades concretas. Resultados:Permitiram a compreensão dos sentimentos dos preceptores a partir da análise sob a ótica de três categorias: o processo de trabalho, a formação dos residentes orientando o serviço e o foco no atendimento aos sintomáticos respiratórios. Conclusão: O preceptor da residência médica em João Pessoa experimenta a liberdade de atuação como ferramenta de manutenção ao cuidado e na formação individualizada dos residentes, tidos como recursos significativos da comunidade na aprendizagem em Medicina de Família. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Denise Mota Araripe Pereira Fernandes, Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba / FACENE

Preceptora e docente do Programa de Residência Médica da Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa em parceria com a Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB), mestranda do programa de Pós-Graduação em Saúde da Família da FACENE

Vilma Felipe Costa de Melo, FACENE

Docente e orientadora do programa de Pós-Graduação em Saúde da Família da FACENE.

Brenda de Souza Ribeiro, Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ) - PB, Brasil.

 Acadêmicas do Curso de Medicina do Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ) - PB, Brasil.

Camille Feitoza Paredes Gomes, Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ) - PB, Brasil.

 Acadêmicas do Curso de Medicina do Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ) - PB, Brasil.

Lana Muriely Borges de Assis, SMS/JP/Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB), João Pessoa/PB, Brasil.

Residente de Medicina da Família e Comunidade (SMS-JP) em parceria com a Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB).

Marina de Lima Pinheiro, SMS/JP/Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB), João Pessoa/PB, Brasil.

Residente de Medicina da Família e Comunidade (SMS-JP) em parceria com a Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB).

Melissa Maria Medeiros de Morais, SMS/JP/Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB), João Pessoa/PB, Brasil.

Residente de Medicina da Família e Comunidade (SMS-JP) em parceria com a Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba (FCM/PB).

Referências

(1) Bitton A, Ratcliffe HL, Veillard JH, Kress DH, Barkley S, Kimball M, Secci F, Wong E, Basu L, Taylor C, Bayona J, Wang H, Lagomarsino G, Hirschhorn LR. Primary Health Care as a Foundation for Strengthening Health Systems in Low- and Middle-Income Countries. J Gen Intern Med 2017 May;32(5):566-571. PMID: 27943038 DOI: https://doi.org/10.1007/s11606-016-3898-5

(2) Macinko J; Mendonça CS. Estratégia Saúde da Família, um forte modelo de Atenção Primária à Saúde que traz resultados. SAÚDE DEBATE 2018; 42(1):18-37. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-11042018s102

(3) Starfield B. Atenção primária: equilíbrio entre necessidades de saúde, serviços e tecnologia. Brasília, DF: UNESCO, Ministério da Saúde, 2002; 726p.

(4) Paim, JS. Sistema Único de Saúde (SUS) aos 30 anos. Ciênc. saúde coletiva 2018; 23(6): 1723-1728. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232018236.09172018

(5) Brasil. Presidência da República. Lei no 12.871, de 22 de outubro de 2013. Institui o Programa Mais Médicos. Diário Oficial da União 23 Out 2013.

(6) Yılmaz TE; Yılmaz T, Örnek Büken N, Özkara A, Altıntaş KH. Awareness of family physician residents of their roles in disaster health management: a cross-sectional study in Turkey. Primary Health Care Research & Development. 2020. 21(e47): 1–9. DOI: https://doi.org/10.1017/S146342362000047X

(7) Organização Pan-Americana da Saúde (PAHO) Brasil [homepage da internet]. Folha informativa – COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus) [acesso em 25 jul 2020]. Disponível em: https://www.paho.org/pt/covid19.

(8) Silva GA; Jardim BC; Santos CVB. Excesso de mortalidade no Brasil em tempos de COVID-19. Cien Saude Coletiva 2020; 25(9): 3345-3353. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232020259.23642020

(9) Storti MMT, Oliveira FP, Xavier AL. Expanding family and community medicine residency vacancies by municipalities and the More Doctors Program. Interface (Botucatu) 2017; 21(Supl.1):1301-13.

(10) Barrêto, DS; Melo, NAJ; Figueiredo, AM; Sampaio, J; Gomes, LB; Soares, RS. Programa Mais Médicos e residências de Medicina de Família e Comunidade: estratégias articuladas de ampliação e interiorização da formação médica. Interface (Botucatu) 2019;23(1).

(11) Gouveia, EAH; Silva, RO; Pessoa, BHS. Competência Cultural: uma Resposta Necessária para Superar as Barreiras de Acesso à Saúde para Populações Minorizadas. Revista Brasileira de Educação Médica 2020; 43(1):82-90.

(12) Botti SHO, Rego S. Preceptor, supervisor, tutor e mentor: quais são seus papéis? Rev Bras Educ Med. 2008;32(3):363-73.

(13) Damasceno RF, da Silva PLN. Competência cultural na atenção primária: algumas considerações. J Manag Prim Health Care [Internet]. 19º de dezembro de 2018 [citado 17º de novembro de 2020];90. Disponível em: https://www.jmphc.com.br/jmphc/article/view/435

(14) Soares RS; Oliveira FP; Melo Neto, AJ; Barreto DS; Carvalho ALB; Sampaio J. Residência em medicina de família e comunidade: construindo redes de aprendizagens no SUS. Rev Bras Med Fam Comunidade 2018; 13(40):1-8. DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc13(40)1629

(15) Minayo MCS. (org). Pesquisa Social. Teoria, método e criatividade. 18 ed. Petrópolis: Vozes; 2001.

(16) Anderson, MIP; Rodrigues, RD. Formação de especialistas em Medicina de Família e Comunidade no Brasil: dilemas e perspectivas. Revista Brasileira De Medicina De Família E Comunidade 2011; 6(18):19-20. DOI: https://doi.org/10.5327/Z1809-59092011001800005

(17) Garcia, AP; Cadioli, LM; Lopes, Júnior A; Gusso, G; Valladão Júnior, JBR. Preceptoria na Residência de Medicina de Família e Comunidade da Universidade de São Paulo: políticas e experiências.Rev Bras Med Fam Comunidade. 2018;13(40):1-8. DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc13(40)1610

(18) Medina, MG; Giovanella, L; Bousquat, A; Mendonça, MHM; Aquino, R, Abrasco, CGRPAP et al. Atenção primária à saúde em tempos de COVID-19: o que fazer? Cad. Saúde Pública 2020; 36(8). DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00149720

(19) Depallens, MA; Guimarães, JMM; Faria, L; Cardoso, AJC; Almeida-Filho, N. Prevenção quaternária, reforma curricular e educação médica. Interface (Botucatu) 2020; 24(1). DOI: https://doi.org/10.1590/interface.190584

(20) Negreiros, MM; Tavares-Neto, J. Proposta de prontuário para as equipes de saúde da família. Revista APS 2005; 8(2):123-142.

(21) Brydges R, Tran J, Goffi A, Lee C, Miller D, Mylopoulos M. Resident learning trajectories in the workplace: A self‐regulated learning analysis. Medical Education; 2020. (54)12:1120-1128. PMID: 32614455 DOI: https://doi.org/10.1111/medu.14288

(22) Sarti TD, Fontenelle LF, Gusso GDF. Panorama da expansão dos programas de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade no Brasil: desafios para sua consolidação. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2018;13(40):1-5. DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc13(40)1744

(23) Oliveira, MAB; Monteiro, LS; Oliveira, RC; Moreira, TS; Marques, ACF; Silva, UMA; Oliveira, NA; Pereira, GFC; Silva, ACS; Santana, RM. A prática do núcleo de apoio à saúde da família do Recife no enfrentamento à pandemia COVID-19. APS em Revista 2020; 2(2):142-150. DOI: https://doi.org/10.14295/aps.v2i2.96

Downloads

Publicado

2021-09-26

Como Citar

1.
Fernandes DMAP, Melo VFC de, Ribeiro B de S, Gomes CFP, Assis LMB de, Pinheiro M de L, Morais MMM de. A preceptoria em medicina de família e comunidade e as estratégias de organização da atenção primária frente à COVID-19 . Rev Bras Med Fam Comunidade [Internet]. 26º de setembro de 2021 [citado 17º de outubro de 2021];16(43):2832. Disponível em: https://rbmfc.org.br/rbmfc/article/view/2832

Edição

Seção

Artigos de Pesquisa