Bases para expansão e desenvolvimento adequados de programas de Residência em Medicina de Família e Comunidade

  • Maria Inez Padula Anderson
  • Eno Dias de Castro Filho
  • Ricardo Donato Rodrigues
  • Marcello Dala Bernardina Dalla
  • Monique Marie Marthe Bourget
Palavras-chave: Ação Intersetorial, Saúde da Família, Política de Saúde.

Resumo

Este artigo é uma versão adaptada, para este número suplementar da Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, do documento original da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC), editado em 2005, sob o mesmo título . disponível na íntegra no portal www.sbmfc.org.br. O texto situa a Medicina de Família e Comunidade (MFC) como uma especialidade médica centrada no paradigma da integralidade biopsicossocial que prioriza a APS, fazendo um nítido contraste com as especialidades focais. As políticas de saúde historicamente adotadas no Brasil privilegiaram, no entanto, um modelo assistencial hospitalocêntrico, bloqueando o desenvolvimento da APS e da MFC. Esta é uma tendência em mudança em face da Estratégia Saúde da Família e da experiência internacional nesta área. Neste contexto, a SBMFC, em parceria com o MS, vem incentivando a expansão dos programas de residência em MFC. Considerando a importância de que tal expansão seja implementada sem prejuízo da qualidade, a SBMFC apresentou um conjunto de critérios e recomendações, sintonizadas com a Resolução da CNRM . que regulamenta estes programas ., para que servissem de base para tal expansão. Neste artigo, são retomadas as exigências e recomendações relativas à organização do programa, à distribuição temporal das atividades e às competências básicas que deverão ser desenvolvidas ao longo do programa de formação. Além disso, são revistos os requisitos referentes à infra-estrutura e ao fluxo assistencial necessários para criar um ambiente favorável de treinamento em serviço. Por último, faz-se um pequeno relato sobre as iniciativas mais recentes que a SBMFC vem desenvolvendo no sentido de minorar a atual defasagem entre necessidade e oferta de preceptores especializados em MFC.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Maria Inez Padula Anderson
Family and Community Medicine, Doctor of Public Health, Adjunct Professor in Residence and tutor of MFC, FCM, UERJ, President of SBMFC, Rio de Janeiro, Brazil.
Eno Dias de Castro Filho
Community Family Physician, Master in Education, Scientific Director SBMFC 2004-2008, Telehealth Coordinator RS
Ricardo Donato Rodrigues
Doctor, Doctor of Medicine. Prof. Adj. Program Primary Health FM UFRJ
Marcello Dala Bernardina Dalla
Family and Medical Community. Master in Education. Professor, School of Sciences of Santa Casa de Misericordia de Vitoria ES and the Center University of Vila Velha. Vice President of SBMFC
Monique Marie Marthe Bourget
Family and Community Medicine. Coordinator of the PSF Santa Marcelina, São Paulo. Vice President of APMFC
Publicado
2007-11-17
Como Citar
Anderson, M. I. P., Castro Filho, E. D. de, Rodrigues, R. D., Dalla, M. D. B., & Bourget, M. M. M. (2007). Bases para expansão e desenvolvimento adequados de programas de Residência em Medicina de Família e Comunidade. Revista Brasileira De Medicina De Família E Comunidade, 3(11), 180-198. https://doi.org/10.5712/rbmfc3(11)336
Seção
Artigos de Pesquisa