Impacto da prevenção quaternária como intervenção breve nas decisões clínicas de estudantes de medicina: experiência do Vietnã

Thi Hoa Vi Tran, Thanh Liem Vo

Resumo


Objetivo: avaliar o processo de tomada de decisão clínica por estudantes de graduação em medicina após uma breve intervenção sobre prevenção quaternária (P4). Métodos: estudo quantitativo de intervenção autocontrolada realizado com estudantes do quinto ano do curso de medicina da Pham
Ngoc Thach University, na cidade de Hochiminh, Vietnam. Os estudantes foram convidados a listar suas eventuais intervenções com base em três diferentes cenários clínicos simulados. A pesquisa foi realizada antes e depois da intervenção. As proposições dos estudantes foram classificadas em um dos quatro grupos de prevenção, de acordo com o modelo de Jamoulle. Resultados: participaram 115 estudantes, resultando em 211 folhas de respostas. As intervenções propostas pelos estudantes foram principalmente centradas nos grupos de prevenção 1, 2 e 3; esses três cenários clínicos explicaram parcialmente as intenções dos estudantes para aconselhamento, rastreamento e cuidados paliativos. Comparando com os dados da segunda fase do estudo, a intervenção foi associada a mudanças na aptidão dos alunos no processo de tomada de decisão clínica, que foi especialmente importante para o grupo de prevenção 1 (OR = 7,5) e para o grupo de prevenção 4 (OR = 30,05). Não houve diferença estatisticamente significativa na mudança de decisão dos alunos para o grupo de prevenção 2 (OR = 0,95 p = 0,466) e para o grupo de prevenção 3 (OR = 2,29 p = 0,932). Conclusão: a introdução da prevenção quaternária no curso de graduação em medicina pode auxiliar a orientar as decisões clínicas em direção à prevenção primária e também a evitar intervenções médicas desnecessárias.

Palavras-chave


Quaternary Prevention; Decision Making Education; Medical Vietnam; Family Medicine

Texto completo:

PDF/A (English)

Referências


Greenhalgh T, Howick J, Maskrey N, Evidence Based Medicine Renaissance Group. Evidence based medicine: a movement in crisis? BMJ. 2014;348:g3725. http://dx.doi.org/10.1136/bmj.g3725. PMid:24927763.

Gérvas J, Starfield B, Violán C, Minué S. GPs with special interests: unanswered questions. Br J Gen Pract. 2007;57(544):912-917. http://dx.doi.org/10.3399/096016407782317865. PMid:17976293.

Higgs J, Jones MA. Clinical decision making and multiple problem spaces. In: Higgs J, Jones MA, Loftus S, Christense N, editors. Clinical reasoning in the health professions. 3rd ed. Boston: Elsevier Health Sciences; 2008. p.3-17.

Payton OD, Nelson CE, Ozer MN. Patient participation in program planning: a manual for therapist. Philadelphia: Davis; 1990.

Jamoulle M. Information et informatisation en médecine générale. Les informa-g-iciens. 1986:193-209.

Bentzen N. WONCA Dictionary of general/family practice. Copenhagen: Laegeforeningens Forlag; 2003.

Porta M. A Dictionary of epidemiology. 6th ed. Oxford University Press; 2014.

Jamoulle M, Roland M. Quaternary prevention-From Wonca world Hong Kong 1995 to Wonca world Prague 2013. Prague: Wonca World Prague; 2013.

McWhinney IR. A textbook of family medicine. New York: Oxford University Press; 1989.

Vo LT. Développement de la médecine de famille au Vietnam. Liège: Université de Liège; 2013.

Ntzoufras I. Bayesian modeling using WinBUGS. Hoboken: John Wiley & Sons; 2009.

Rijmen F, Tuerlinckx F, Meulders M, Smits DJ, Balázs K. Mixed model estimation methods for the Rasch model. J Appl Meas. 2005;6(3):273-88. PMID: 15942071.

Lunn DJ, Thomas A, Best N, Spiegelhalter D. WinBUGS: a Bayesian modelling framework. Concepts, structure, and extensibility. Stat Comput. 2000;10(4):325-337. http://dx.doi.org/10.1023/A:1008929526011

Jamoulle M. Quaternary prevention, an answer of family doctors to overmedicalization. Int J Health Policy Manag. 2015;4(2):61-64. http://dx.doi.org/10.15171/ijhpm.2015.24

Pandve HT. Quaternary prevention: need of the hour. J Family Med Prim Care. 2014;3(4):309-310.

WONCA EUROPE. The European definition of general practice/Family medicine. London; 2011 [cited 2013 Sept 4] Available from: http://www.woncaeurope.org/sites/default/files/documents/Definition%203rd%20ed%202011%20with%20revised%20wonca%20tree.pdf

World Health Organization. Primary health care: now more than ever. Geneva: World Health Organization; 2008.




DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc10(35)1119

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Thi Hoa Vi Tran, Thanh Liem Vo

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/3.0/br/

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia