Percepções de uma Unidade Básica de Saúde sobre Saúde Planetária

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5712/rbmfc18(45)3842

Palavras-chave:

Saúde ambiental, Atenção primária à saúde, Sistema Único de Saúde, Fluxo de trabalho.

Resumo

Introdução: A Saúde Planetária é um campo de pesquisa que avalia a interdependência entre os ecossistemas e a saúde da civilização humana, ainda pouco difundido na área de saúde, mesmo entre os currículos dos programas de residência. Objetivo: Este trabalho objetivou avaliar conhecimento e percepções sobre o tema da saúde planetária entre profissionais de saúde da Unidade Básica de Saúde (UBS) 01 da Candangolândia, Distrito Federal, Brasil. Métodos: Optou-se por metodologia qualitativa, com aplicação de entrevistas semiestruturadas e análise de conteúdo por Bardin e também por meio do software N-VIVO. Este artigo baseou-se em um trabalho para conclusão de residência em Medicina de Família e Comunidade. Resultados: Ao longo da pesquisa, pôde-se perceber que há desconhecimento sobre o tema da saúde planetária entre as profissionais entrevistadas. Há também uma perspectiva de distanciamento do ambiente natural e, em certo ponto, uma visão utilitarista da natureza. Além disso, foi observada desconexão entre teoria e prática já que as entrevistadas reconhecem, na teoria, que os impactos sobre os sistemas naturais também acarretam consequências sobre a saúde humana, mas nenhuma delas demonstrou considerar tais repercussões em seu fluxo de trabalho cotidiano. As participantes perceberam que podem atuar na comunidade no tocante ao tema da saúde planetária, sobretudo por meio da educação. Conclusões: A frequência cada vez maior de doenças relacionadas ao meio ambiente reforça a urgência de os profissionais de saúde, usuários e gestores incorporarem o tema em suas práticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Felipe Oliveira Machado, Secretaria de Saúde do Distrito Federal

Médico pela Universidade de Brasília. Especialista em Medicina de Família e Comunidade pela Escola Superior de Ciências da Saúde do Distrito Federal (ESCS/FEPECS). Atualmente é Médico de Família e Comunidade da Secretaria de Saúde do Distrito Federal.

Conflito de interesses: Declara não haver.

http://lattes.cnpq.br/7095415979255059

Carolina Lopes de Lima Reigada , Secretaria de Saúde do Distrito Federal

Médica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ (2011)

Residência em Medicina de Família e Comunidade pela UFRJ (2014), mestrado em Atenção Primária à Saúde pela UFRJ (2017). Atualmente é médica de família e comunidade pela secretaria de Saúde do Distrito Federal e preceptora da Residência em Medicina de Família e Comunidade da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESCS).

Conflito de interesses: Declara não haver.

http://lattes.cnpq.br/7845295829367920

Referências

Landrigan PJ, Fuller R, Acosta NJR, Adeyi O, Arnold R, Basu N (Nil), et al. The Lancet Commission on pollution and health. Lancet 2018;391(10119):462-512. https://doi.org/10.1016/S0140-6736(17)32345-0 DOI: https://doi.org/10.1016/S0140-6736(17)32345-0

Floss M, Barros EF, Fajardo AP, Bressel M, Hacon S, Nobre C, et al. Lancet Countdown. Rev Bras Med Fam Comunidade 2019;14(41):2286. https://doi.org/10.5712/rbmfc14(41)2286 DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc14(41)2286

Kemple T. Planetary health and primary care: what’s the emergency? Br J Gen Pract 2019;69(688):536-7. https://doi.org/10.3399/bjgp19X706145 DOI: https://doi.org/10.3399/bjgp19X706145

Floss M, Barros EF. Estresse por calor na Atenção Primária à Saúde: uma revisão clínica. Rev Bras Med Fam Comunidade 2020;15(42):1948. https://doi.org/10.5712/rbmfc15(42)1948 DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc15(42)1948

Floss M, Barros EF. Saúde planetária: conclamação para a ação dos médicos de família de todo o mundo Rev Bras Med Fam Comunidade 2019;14(41):1992. https://doi.org/10.5712/rbmfc14(41)1992 DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc14(41)1992

Administração Regional da Candangolândia. MAPA CANDANGOLÂNDIA [Internet]. 2016 [acessado em 02 maio 2022]. Disponível em: https://www.candangolandia.df.gov.br/2016/07/14/mapa-candangolandia/

Secretaria de Fazenda, Planejamento, Orçamento e Gestão. Candangolândia [Internet]. 2019 [acessado em 05 maio 2022]. Disponível em: https://www.codeplan.df.gov.br/wp-content/uploads/2020/06/Candangol%C3%A2ndia.pdf

Potter T. Planetary Health: Systems Perspectives and Impact of Climate and Environmental Change on Human and Global Health [Internet]. Handbook of Global Health. 2020 [acessado em 12 mar. 2022]. Disponível em: https://link.springer.com/referenceworkentry/10.1007/978-3-030-05325-3_131-1 DOI: https://doi.org/10.1007/978-3-030-05325-3_131-1

Powers of qualitative research [Internet]. Nat Clim Change 2021;11(9):717-7 [acessado em 18 set. 2023]. Disponível em: https://www.nature.com/articles/s41558-021-01153-z DOI: https://doi.org/10.1038/s41558-021-01153-z

Minayo MCS. O Desafio do conhecimento, pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo/Rio de Janeiro: Hucitec/ABRASCO; 2008.

Guerra, ELA. Manual de pesquisa qualitativa. Belo Horizonte: Grupo Ânima Educação, 2014.

Bardin L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70; 2016.

Dos Santos FM. Análise de conteúdo: a visão de Laurence Bardin. Lisboa: Edições 70; 2012.

NVivo [Internet]. Lumivero [acessado em 02 abr. 2022]. Disponível em: https://www.qsrinternational.com/nvivo-qualitative-dataanalysis-software/home

Omrani OE, Dafallah A, Paniello Castillo B, Amaro BQRC, Taneja S, Amzil M, et al. Envisioning planetary health in every medical curriculum: An international medical student organization’s perspective. Med Teach 2020;42(10):1107-1111. https://doi.org/10.1080/0142159X.2020.1796949 DOI: https://doi.org/10.1080/0142159X.2020.1796949

Brown P, Kelley JK. Physicians’ knowledge, attitudes, and practice regarding environmental health hazards. Ind Environ Crisis Q 1996;9(4):512-42. https://doi.org/10.1177/10860266960090040 DOI: https://doi.org/10.1177/108602669600900404

Zandavalli RB, org. Pessoa e Clínica sob as Lentes da Saúde Planetária: Roteiro para educação na graduação da área da saúde (Volume 1) [Internet]. Porto Alegre: Edição dos Autores; 2022 [acessado em 07 out. 2022]. Disponível em: https://www.ufrgs.br/telessauders/saude-planetaria

Zandavalli RB, org. Pessoa e Clínica sob as Lentes da Saúde Planetária: Casos clínicos para atividades educativas (Volume 2) [Internet]. Porto Alegre: Edição dos Autores; 2022 [acessado em 07 out. 2022]. Disponível em: https://www.ufrgs.br/telessauders/saude-planetaria

G1. DF tem novo recorde de calor; não chove há 128 dias em Brasília [Internet]. 2022 [acessado em 30 out. 2022]. Disponível em: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2022/09/12/df-tem-novo-recorde-de-calor-nao-chove-ha-128-dias-em-brasilia.ghtml

Culiberg B, Rojšek I. Understanding environmental consciousness: a multidimensional perspective [Internet]. 2008 [acessado em 10 set. 2022]. Disponível em: https://hrcak.srce.hr/ojs/index.php/ekonomski-vjesnik/article/view/3661/2453

Gagnon Thompson SC, Barton MA. Ecocentric and anthropocentric attitudes toward the environment. J Environ Psychol 1994;14(2):149-57. https://doi.org/10.1016/S0272-4944(05)80168-9 DOI: https://doi.org/10.1016/S0272-4944(05)80168-9

Gerent J. A relação Homem-Natureza e suas Interfaces. Cad Direito 2011;11(n):23-46. https://doi.org/10.15600/2238-1228/cd.v11n20p23-46 DOI: https://doi.org/10.15600/2238-1228/cd.v11n20p23-46

Silva CASB da, Silva LJA da. A difícil relação homem x natureza: o caminho da sustentabilidade para um desenvolvimento sustentável. Educação Ambiental em Ação [Internet]. 2012 [acessado em em 15 set. 2022]. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=1187

Maar, BJP. “I know it is better for the environment but what about me?”: Explaining the cognitive dissonance between attitude and environmental friendly behavior [dissertação de mestrado]. Enschede: University of Twente; 2019.

Marija Ham, Dajana Mrčela, Horvat M. Insights for measuring environmental awareness. Econviews Rev Contemp Bus Entrep Econ Issues 2016;29(1):159-76.

Pereira CAR, Melo JV de, Fernandes ALT. A educação ambiental como estratégia da Atenção Primária à Saúde. Rev Bras Med Fam Comunidade 2012;7(23):108-16. https://doi.org/10.5712/rbmfc7(23)293 DOI: https://doi.org/10.5712/rbmfc7(23)293

Downloads

Publicado

2023-12-05

Como Citar

1.
Machado FO, Reigada CL de L. Percepções de uma Unidade Básica de Saúde sobre Saúde Planetária . Rev Bras Med Fam Comunidade [Internet]. 5º de dezembro de 2023 [citado 20º de fevereiro de 2024];18(45):3842. Disponível em: https://rbmfc.org.br/rbmfc/article/view/3842

Edição

Seção

Especial Residência Médica

Plaudit