Espiritualidade na educação segundo acadêmicos do 1º e 8º semestres de um Curso de Graduação em Enfermagem

Autores

  • Alessandra Martins Correia Centro Universitário São Camilo
  • Deise Lima Silva Centro Universitário São Camilo
  • Ana Cristina de Sá Centro Universitário São Camilo

DOI:

https://doi.org/10.5712/rbmfc7(1)584

Palavras-chave:

Espiritualidade, Educação, Enfermagem

Resumo

Introdução: A Espiritualidade Humana vem sendo tema exaustivamente discutido na atualidade e se torna cada vez mais necessária na prática de assistência à saúde. Pode ser definida como um sistema de crenças que enfoca elementos inatingíveis, que transmite vitalidade e significado a eventos da vida. Objetivo: O presente estudo tem como objetivos conhecer a opinião dos estudantes de graduação de enfermagem sobre aspectos da espiritualidade no ser humano e verificar sua importância no ensino e sua abordagem na vida acadêmica. Método: Trata-se de pesquisa exploratória qualitativa, que utilizou como instrumento de coleta de dados um questionário composto por questões semi-estruturadas. Os sujeitos da pesquisa constituíram-se de acadêmicos do 1° e 8° semestres do curso de graduação em enfermagem de um centro universitário da rede particular de ensino superior da cidade de São Paulo. O tratamento dos dados teve como referencial teórico o método de análise de conteúdo de Bardin. Conclusão: Conclui-se que os entrevistados apresentam dificuldade em diferenciar espiritualidade de religiosidade, o que pode vir a influenciar no cuidado espiritual a ser prestado quando enfermeiros formados. Os depoimentos dos acadêmicos ingressantes (1º semestre) revelam que esses suprimiriam o tema do conteúdo programático, enquanto que os formandos do 8º semestre consideram a espiritualidade um tema essencial para discussão, após terem enfrentado o sofrimento humano em seu período de estágio prático. Quanto ao ensino da espiritualidade, verificou-se pelos discursos dos entrevistados que o tema é abordado de maneira superficial e subjetiva durante a vida acadêmica. Sugere-se que deve ser proposta a inclusão efetiva de conteúdos sobre a espiritualidade humana na grade curricular dos cursos de graduação em Enfermagem, considerando, inclusive o estudo dos diagnósticos de enfermagem relativos à espiritualidade da North American Nursing Diagnosis Association como um objeto de estudo essencial para o futuro enfermeiro compreender o paciente como um todo, buscando elevar sua qualidade de vida no enfrentamento do processo do adoecer.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2012-06-22

Como Citar

1.
Correia AM, Silva DL, de Sá AC. Espiritualidade na educação segundo acadêmicos do 1º e 8º semestres de um Curso de Graduação em Enfermagem. Rev Bras Med Fam Comunidade [Internet]. 22º de junho de 2012 [citado 27º de fevereiro de 2021];7(1):48. Disponível em: https://rbmfc.org.br/rbmfc/article/view/584